Brasil

Detalhes

  • Tipo: Press release
  • Data: 30/4/2013

Relatório de Sustentabilidade 2012 

Pioneira na iniciativa no Brasil e com asseguração independente, KPMG divulga seu 3° Relatório de Sustentabilidade.

A KPMG divulga o seu 3° Relatório de Sustentabilidade, referente aos resultados apurados no ano fiscal de 2012 pelas empresas que atuam sob o nome KPMG no Brasil. O relatório foi elaborado no Nível B+ da versão 3.0 das diretrizes da Global Reporting Initiative (GRI), e com asseguração independente da BSD Consulting.

 

“Por meio dessa publicação, compartilhamos o desempenho econômico, social e ambiental de nossos negócios num ano de grandes desafios para a economia brasileira, mas que também nos trouxe oportunidades de crescimento com a diversificação do portfólio de serviços e soluções que oferecemos aos nossos clientes", afirma Pedro Melo, presidente da KPMG no Brasil.

 

Em relação a seu faturamento, a KPMG destaca no documento o resultado de R$ 805 milhões no ano fiscal de 2012, com contribuição importante no resultado mundial, onde a KPMG teve um faturamento recorde de USD 23.03 bilhões, desempenho 4% maior em relação ao ano anterior, alavancado principalmente pelos mercados emergentes.

 

O relatório revela também que a Organização investiu no Brasil R$ 2,78 milhões em projetos culturais e socioambientais (montante 26,3% maior que o  período anterior). Além disso, a firma computou 840 horas pro Bono em benefício de organizações sem fins lucrativos.

 

Dentre as ações, iniciativas e reconhecimentos de destaques da empresa no Brasil em 2012, estão a aquisição de duas expertises que

ampliaram o seu portfólio de soluções: a contratação de uma equipe para a área de Compliance Tributário, com o objetivo de estruturar a melhor solução digital disponível no mercado; e a incorporação de especialistas em supply chain nacional e internacional, que ajudam os clientes na gestão estratégica de toda a cadeia de suprimentos, em projetos de redução de custos e adequação do nível de serviços.

 

Também podemos citar a conquista, pelo segundo ano consecutivo, do prêmio The Sustainable Firm of the Year, concedido à KPMG International pelo International Accounting Bulletin (IAB) da Inglaterra; pelo terceiro ano consecutivo, a KPMG International foi reconhecida como The World's Most Attractive Employer 2011, em pesquisa internacional realizada pela Universum, conquistando o primeiro lugar entre as "Big Four" e o segundo no segmento de negócios; a KPMG International foi eleita a Empresa de Consultoria de 2012 na Categoria Transfer Pricing no Corporate INTL Magazine Global Prize; a KPMG Brasil ficou em segundo lugar em seu segmento no prêmio As Empresas Mais Admiradas no Brasil em 2012, realizado pela revista Carta Capital; e o sócio Wladimir Omiechuk recebeu o Prêmio Executivo de Finanças do Ano - Troféu "O Equilibrista”, que foi concedido pelo IBEF Porto Alegre.

 

Capital humano

 

Os profissionais da KPMG constituem seu maior capital e desempenham papel fundamental no sucesso da Organização. De acordo com os dados apontados no relatório, no encerramento do ano societário, em 30 de setembro de 2012, a empresa contava com 3.885 colaboradores, distribuídos pelos 26 escritórios localizados em vinte cidades, que se encontram em onze estados, além do Distrito Federal.

 

Para manter sua equipe de especialistas e alta performance, responsável pela entrega de serviços de alto valor agregado aos clientes, a KPMG no Brasil investiu R$29,9 milhões em capacitação, treinamento e desenvolvimento de seus profissionais.

  

Perspectivas

 

Apesar do fraco desempenho da economia e do PIB em 2012, a KPMG está otimista quanto ao cenário atual. “Para 2013, vislumbramos um ambiente favorável ao desenvolvimento de vários serviços que prestamos. Um conjunto de mudanças na legislação tributária deverá gerar a busca por orientação qualificada. Outro alavancador é o mercado empreendedor, que continua aquecido e está na mira de investidores estrangeiros, incentivando demandas por diagnóstico, compliance e governança. Medidas governamentais pró-transparência prometem ganhar força e abrir espaço para que clientes nos convidem a ajudá-los a adaptar seus negócios a novos padrões. Considerando esses aspectos, estamos projetando um significativo crescimento de 17% para 2013”, analisa Melo

Press Release -  

Compartilhe

Compartilhe isso

Cadastre-se agora

Cadastre-se para selecionar os conteúdos de seu interesse e receba atualizações automáticas dos últimos artigos e publicações da KPMG no Brasil.  

 

Já é assinante? Faça o seu Login.  

 

Ainda não é assinante? Cadastre-se.